terça-feira, 19 de outubro de 2010

Ufa! Até que enfim!!!!

A muito tempo tenho o projeto de ter e manter este blog. Penso que ele me serve como uma válvula de escape para meus pensamentos malucos e meu malucos pensamentos. A ideia surgiu ao longo da gravidez do Pedro. Foi um período de longa hibernação, para reafirmar compromissos, ideias, desejos, sonhos, expectativas sobre que tipo de mãe eu queria ser e principalmente, de que maneira seria possível ser mãe e um ser politico, pensante, critico.
De certa forma a gravidez do Pedro, e todo o stresse da rápida passagem pelo NPPE do Capão me permitiram colocar mais os pés no chão.
 Hoje, sem sombra de duvida afirmo que cresci muito, principalmente aqui dentro, com os meus medos e inseguranças. Tudo isso somado ao grande companheiro que eu escolhi pra dividir os sonhos, a cama, as contas e a árdua tarefa de ser mãe.
Ao longo desses três anos nessa árdua tarefa, que é a maternidade, aprendi que ter pra onde gritar tudo o que não lhe vai bem, e o que vai bem tbm é muito importante, aprendi tbm que nem sempre o Marcos me entende - coitado, só eu sei o quanto ele tenta.
Por isso o blog, aqui será onde poderei dizer tudo, absolutamente tudo que penso, que acho, que sinto e quero sobre Deus e o mundo (sem censura e principalmente sem medo de ser mandada embora).
E claro, todos estão convidados pra essa louca viagem. E é ai, justamente, onde entra a parte do politicamente, porque o gostoso da politica é a discussão e depois a conclusão e a negação e conclusão e a negação e por ai vai.
Esse primeiro post é só um prefácio do que virá.
Bem vindos ao blog, não se assustem. Aqui tudo é permitido e será aprendido.
Um grande abraço
Jaque Odara.
PS: agora tenho q ir fazer a janta, dar banho no Pedro, no João. mas eu volto, pq quero comentar o tropa de elite 2, opinar sobre o voto nulo no segundo turno e defender a discriminalização do aborto, é ué, eu sou a favor do aborto e vc?
Lembre-se a neutralidade só existe nas embalagens dos sabonetes.