segunda-feira, 15 de julho de 2013

Quem tem medo do lobo mau????


Meu blog anda abandonado,isso é verdade.
Mas andava meio preocupada e sem vontade de criar.
Mas,ontem,estava lendo um texto do Freud sobre o Mal estar da Civilização,e várias coisas me ocorreram.
Bom,hoje vendo o FB,me dei conta de como as pessoas são felizes.
As vezes acho que preciso tomar a dose diária de felicidade do restante da população.
Pra Freud, a felicidade é algo inatingível, e que o amor, bem,o amor é um capítulo a parte.
Fiquei pensando nos lobos maus que existem por ai.
Alguns tem medo da velhice, outros das doenças, outros da criminalidade, outros do casamento, outros da paixão, mas ninguém tem medo de ser feliz.
Ao mesmo tempo, que me pergunto,quem é que pode ser feliz nesse mundo?
Passei os últimos 5 anos, tentando me localizar numa determinada lógica, que me partes passou a ser a minha lógica, em partes contém elementos que me contradizem.
Mas,como diriam Caeteano: esse papo já tá qualquer coisa, e eu eu já tô pra lá de Marracchi... 
Este post era só um qualquer coisa, sobre as coisas que ando pensando e não me deixam escrever.
Eu vi a morte e ela estava viva,e isso me assusta, a morte viva a nos espreitar a vida.
Inté a próxima!


         "...Vocês devem tomar cuidado com o lobo, que é muito mau e muito perigoso. Se ele entrar aqui em casa, devorará todos vocês, inteirinhos, da cabeça aos pés. Ele muitas vezes se disfarça, mas é fácil reconhece-lo logo..." (Grimm,2008,pp167)